sábado, 12 de março de 2016

POLÍCIA DE ALCKMIN INVADE SINDICATO E INTERROMPE PLENÁRIA PRÓ-LULA


Segundo o deputado estadual e presidente do PT de Santo André, Luiz Turco, a plenária em solidariedade ao ex-prefeito de Diadema José de Filippi Júnior e ao ex-presidente Lula foi interrompida pela chegada da PM fortemente armada, em quatro viaturas, na subsede do Sindicato dos Metalúrgicos do ABC, em Diadema; questionados sobre o motivo de estarem ali, os policiais teriam dito que souberam que estava ocorrendo uma reunião de apoio a Lula e foram até o local averiguar

ABCD Maior - Na noite desta sexta-feira (11/03), a Polícia Militar chegou em quatro viaturas e invadiu uma plenária que acontecia na subsede do SMABC (Sindicato dos Metalúrgicos do ABC), em Diadema.

De acordo com o deputado estadual e presidente do PT de Santo André, Luiz Turco, a plenária em solidariedade ao ex-prefeito de Diadema José de Filippi Júnior e ao ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva corria normalmente quando os participantes – entre eles o deputado federal Vicente Paulo da Silva, o Vicentinho e o deputado estadual Teonílio Barba – foram surpreendidos com a chegada da PM.

Ainda de acordo com informações divulgadas por Turco, por meio de redes sociais, a própria militância impediu a entrada dos policias, que foram levados a uma sala da sede do sindicato e indagados por ele e por Barba pelo motivo de estarem ali. Os policiais teriam dito então que souberam que estava ocorrendo uma reunião de apoio a Lula e foram até o local averiguar.

O Sindicato ficou cercado pelos policiais, que só foram embora depois de anotar documentos dos participantes da reunião. Após a PM se retirar, a plenária prosseguiu normalmente.

Fonte: www.brasil247.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário