segunda-feira, 7 de agosto de 2017

Médico é preso após atropelar e matar policial militar


Um policial militar de 29 anos morreu após ser atropelado por uma caminhonete Hilux, que avançou a preferencial, no cruzamento da Rua Tenente Benévolo com Avenida Rui Barbosa, em Fortaleza. O condutor do carro, um médico oftalmologista de 62 anos, foi detido pela polícia.

De acordo com a polícia, o motorista apresentava sinais de embriaguez e tentou fugir após o acidente. Durante a fuga, ele colidiu com outros carros e parou o veículo após bater em uma placa, na Rua Pereira Filgueiras. O policial morto trafegava em uma motocicleta.

Ele foi identificado como Francisco Gleison Rocha Sousa da Silva, de 29 anos. O soldado era lotado no 22º Batalhão da Polícia Militar (BPM) e voltava do serviço dirigindo uma moto.

O médico oftalmologista foi socorrido por uma ambulância do Serviço de Atendimento Médico de Urgência (Samu). Ele recebeu voz de prisão ainda dentro da ambulância, onde recebeu os primeiros socorros.

Nenhum comentário:

Postar um comentário