Select your Indioma and enjoy our page!

quarta-feira, 25 de abril de 2018

Moisés Melo, “Agradecimentos/homenagens pela perca da Matriarca Edite Tavares de Melo”

A imagem pode conter: uma ou mais pessoas e área interna

Em agradecimento as homenagens, póstumas das entidades públicas e particulares, do abraço e palavras solidárias, de parentes e amigos, enviados a nossa família. Nós consternados com a perda da nossa matriarca Edite Tavares de Melo, retribuímos desejando a todos saúde e a PAZ DE NOSSO SENHOR JESUS CRISTO. Obrigado

A imagem pode conter: 1 pessoa


A Sra. Edite Tavares de Melo faleceu por volta de 4 horas, madrugada desta quarta-feira (25/04/2018).

O corpo esta sendo velado em sua residência, ao lado da Câmara de Vereadores de Tabira – PE.

Vários amigos estiveram no velório, levando os sentimentos de pesares a família enlutada.

O cortejo sairá de sua residência ao Cemitério Local por volta das 8 horas, manhã de quinta – feira dia (26).

Todos que fazem a redação do Blog Miron Notícias/Segurança Pajeú deixa nossos sentimentos de pesares a toda família da Sra. Edite Tavares Melo!

Jornalista Vanderlei Miron DRT 5970

Jornalista Eduardo Guimarães, “Carcereiros de Lula mentem sobre prisão de R$ 300 mil”


A Polícia Federal está alardeando que a prisão de Lula em sua sede em Curitiba gera gastos de “R$ 300 mil por mês” e que, por isso, quer transferi-lo. Quem concorda que é impossível gastar 10 mil reais por dia para manter preso um idoso em uma saleta? Ou a PF explica e justifica esse absurdo ou a Corregedoria tem que abrir uma sindicância imediata para esclarecer esse gasto…

A imprensa noticiou que a Superintendência da Polícia Federal de Curitiba pediu à Justiça a transferência de Lula para “um estabelecimento prisional adequado”.

Em ofício “urgente” endereçado à juíza Carolina Lebbos, encarregada da execução penal de Lula, os policiais afirmam que a presença do ex-presidente Lula naquele local causaria “transtornos” e gastos “muito altos”.

Fica difícil entender que gastos são esses. A cela de Lula tem 15 metros quadrados, uma cama, uma mesa, uma cadeira, uma televisão e um chuveiro elétrico. Não custa dez mil reais por ano, que dirá por dia.



De acordo com o documento enviado à juíza, “tem-se uma perspectiva de gastos de aproximadamente R$ 300 mil no mês”.

A PF atribui isso as “diárias de policiais, passagens e deslocamentos de pessoal de outras unidades para reforçar a segurança da superintendência” da PF em Curitiba.

Uau! Quem será que oferece tanto risco à segurança da POLÍCIA FEDERAL? Lula, de 72 anos? Os acampados diante da PF?

Bem, imagem aérea do local não confirma nenhum aparato de segurança.


Supõe-se que os gastos com “segurança” do local sejam para conter gente do lado de fora, já que, pelo lado de dentro, não é possível que os policiais federais armados e treinados para combate estejam com medo de um velhinho de 72 anos.

As imagens aéreas não mostram segurança do lado de fora. Além disso, para proteger o prédio da Superintendência da Polícia Federal é só pedir proteção à Polícia Militar. A PF não gastaria um centavo. Quem paga a PM é o governo do Estado…


E, a julgar pelas imagens que se tem desse acampamento de apoiadores de Lula, as pessoas que lá estão não parecem tão perigosas a ponto de requerem um pequeno exército ao custo de 300 mil reais por mês (mais ou menos uns 100 soldados).


Como se vê, a alegação de gastos da Polícia Federal com Lula não passa de balela. Mas por que, então, a mentira?

É mais do que óbvio: trata-se de uma jogada propagandística para jogar a população contra o ex-presidente. O que se procura, agora, é encarcerar o significado de Lula para os brasileiros enquanto os torturadores da PF tratam de produzir torturas psicológicas para tentar quebrar seu espírito…

A julgar pela última pesquisa fresquinha, do Ibope, não está dando certo. Fonte: blogdacidadania.com.br

Confira a reportagem em vídeo !



Reflita na canção a seguir, Paulo e Silas - Alisson e Neide (Legendado)!

Aneel aprova reajuste de 8,89% nas contas da Celpe


Resultado de imagem para Aumento de energia eletrica

Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) aprovou ontem terça (24) reajuste médio de 8,89% para os consumidores de energia atendidos pela Companhia Energética de Pernambuco (Celpe). A empresa atende 3,7 milhões de unidades consumidoras no estado.

Para os consumidores residenciais e comerciais, atendidos na baixa tensão, o reajuste médio será de 8,47%. Para as indústrias, atendidas na alta tensão, o valor médio do aumento será de 9,9%. As novas tarifas passarão a ser cobradas a partir do dia 29 deste mês.

De acordo com a Aneel, ao calcular o reajuste, conforme estabelecido no contrato de concessão, leva-se em consideração a variação de custos associados à prestação do serviço. “O cálculo leva em conta a aquisição e a transmissão de energia elétrica, bem como os encargos setoriais”, informou a agência. Fonte:Via FolhaPE

Vereadora Nelly Sampaio, Ordem do Dia, “Leitura/Votação dos Projetos”.


A Vereadora/Presidenta Nelly Sampaio, presidiu os trabalhos na Ordem do Dia, da Câmara de Vereadores de Tabira, 13º Sessão do Segundo Período Legislativo, realizado segunda - feira dia (23/04/2018).

Assista a seguir todos os trabalhos e votação na ‘Ordem do Dia’!

Redação & Fotojornalismo:
Vanderlei Miron DRT 5970




Vereador Aristóteles Monteiro, “Parabéns ao Poeta/Advogado Dudu Morais pelo seu desempenho na carreira Jurídica”.


O Vereador Aristóteles Monteiro participou da Câmara de Vereadores de Tabira, 13º Sessão do Segundo Período Legislativo, realizado segunda – feira dia (23/04/2018). O vereador relatou e aplaudiu o trabalho do Advogado/Poeta Dudu Morais na sua carreira no meio jurídico.


Assista a seguir todo o discurso do vereador!

Redação & Fotojornalismo:
Vanderlei Miron DRT 5970

Mariana Oliveira, “Por 3 votos a 2, turma do STF tira do juiz Sérgio Moro trechos das delações da Odebrecht sobre Lula”



Com o voto de desempate do ministro Gilmar Mendes, a Segunda Turma do Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu por 3 votos a 2 retirar do juiz Sérgio Moro, do Paraná – e transferir para a Justiça Federal em São Paulo –, trechos da delação de ex-executivos da construtora Odebrecht que envolvem o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

A maioria dos ministros considerou que as informações dadas pelos delatores da Odebrecht sobre o sítio de Atibaia e sobre o Instituto Lula não têm relação com a Petrobras e, portanto, com a Operação Lava Jato.

Por isso, os ministros entenderam que não há razão para os depoimentos dos delatores serem direcionados a Moro, que é o responsável pela Lava Jato na primeira instância da Justiça Federal.

Os processos em andamento sobre esses temas, no entanto, não saem das mãos de Moro. Isso porque a Segunda Turma do STF julgou nesta terça-feira somente o pedido específico, da própria defesa de Lula, sobre as delações da Odebrecht e não um pedido para retirar da Justiça Federal do Paraná os processos aos quais responde o ex-presidente.

Moro não quis se pronunciar sobre a decisão. "O Juiz federal Sergio Fernando Moro não irá se manifestar sobre este assunto", informou em nota a assessoria da Justiça Federal no Paraná. A assessoria de imprensa do Ministério Público Federal no Paraná informou que a força-tarefa da Lava Jato ainda está analisando o impacto da decisão e, por enquanto, também não vai se manifestar. A Procuradoria Geral da República informou que ainda vai analisar se recorrerá da decisão.

Para a defesa de Lula, a decisão do Supremo demonstra que não há "qualquer elemento concreto que possa justificar a competência da 13ª Vara Federal Criminal de Curitiba nos processos envolvendo o ex-presidente" (leia a íntegra ao final desta reportagem).

Os trechos sobre suspeitas de fraudes na construção do Instituto Lula e em reforma de sítio em Atibaia foram enviados no ano passado para o Paraná por terem relação com ações penais em andamento na 13ª Vara Federal, de Moro, e por se referirem, na avaliação do Ministério Público Federal, ao esquema de corrupção que envolveu a Petrobras e é investigado pela Operação Lava Jato.

No fim do ano passado, a defesa de Lula recorreu da decisão do STF que enviou os trechos dessas delações para Moro. Esse recurso começou a ser julgado em março – o relator Edson Fachin votou pela manutenção dos trechos desses depoimentos com Moro e o ministro Dias Toffoli pediu vista (mais tempo para analisar o caso). Nesta terça-feira, o julgamento foi retomado e concluído.

Caberá agora à Justiça Federal e ao Ministério Público em São Paulo decidirem se será aberta uma nova investigação com base nas informações dos delatores da Odebrecht ou se essas informações serão aproveitadas em processos já em andamento. Eventualmente, Moro poderá solicitar o compartilhamento das informações.

terça-feira, 24 de abril de 2018

Dilma Rousseff, “O QUE JUSTIFICA?”

A imagem pode conter: 7 pessoas, pessoas sorrindo, pessoas em pé e atividades ao ar livre

Em frente à sede da Polícia Federal em Curitiba, impedida de visitar o ex-presidente Lula, Dilma pergunta;

Como pode uma pessoa, num regime democrático, um ex-presidente da república, ser impedido de ver seus companheiros e amigos?

Nem em momentos da ditadura militar vigorou um regime tão restritivo, pois pessoas determinadas podiam ter acesso aos presos.

Reflita na canção a seguir!

CONFIA, DEUS CUIDA DE TI! VOCÊ CRÊ? (Muito forte) Canção & Louvor


Você já passou por situações em que você se questionou onde estava Deus? Então, ouça esta canção que é uma mensagem de Deus para os nossos corações nos momentos de aflição. Muitas das vezes as lutas vem para provar a nossa fé, porque Deus sabe o que faz. Mas não se esqueça, Ele jamais te abandonará! Ele cuida de ti! Deus ama você.

A Dupla Canção e Louvor adora a Deus com a música "Eu Cuido de Ti", uma linda e forte mensagem de Deus para as nossas vidas em forma de louvor. Ouça e seja abençoado!

Gravado na Assembleia de Deus Madureira em Pontalina - GO

Vereador kleber Paulino, “Essa cidade não é do prefeito não é de todos, peço mais educação ao povo que a prefeitura faz a sua parte (Limpeza)”.


O Vereador Kleber Paulino participou da Câmara de Vereadores de Tabira, 13º Sessão do Segundo Período Legislativo, realizado segunda-feira dia (23/04/2018). O vereador relatou sobre a quantidade de lixo que o pessoal jogar na Rodovia José Paulino de Melo.

“Eu queria assim, que esse pessoal, tivesse mais educação, a prefeitura faz a sua parte na coleta de lixo, mais você tem que fazer a sua parte, não joguem lixo no acostamento da rodovia”. Relatou o vereador.

Assista a seguir todo o discurso do vereador Kleber!

Redação & Fotojornalismo:
Vanderlei Miron DRT 5970

Paulo Pimenta,“Professor Detona Moro & Dallagnol em Plena Globo News”

Resultado de imagem para professor de Filosofia Política da PUC-RJ, Renato Lessa,

Em entrevista em plena Globo News, o professor de Filosofia Política da PUC-RJ, Renato Lessa, foi contundente ao afirmar que a Lava Jato agiu politicamente contra Lula.

Para ele, tanto o episódio do Power Point quanto o do vazamento ilegal dos áudios de Lula e Dilma não tinham nenhum efeito processual, mas foram produzidos calculadamente para provocar convulsão social.

“A justiça produziu o clamor. Isso é gravíssimo. O clamor não veio do povo espontaneamente por justiça. O que o dispositivo de Curitiba fez o tempo todo foi induzir clamor. Ou seja, agiu politicamente”, condenou o professor Renato Lessa.

Vereador Marcílio Pires, “Esta uma calamidade a estrada para o sitio Jurema de Tabira”.


O Vereador Marcílio Pires participou da Câmara de Vereadores de Tabira, 13º Sessão do Segundo Período Legislativo, realizado segunda-feira dia (23/04/2018). O vereador relatou à dificuldade de acesso à comunidade do sitio Jurema.

“Quero Comunicar ao secretário de Agricultura Beto Santos, em dizer o estado de calamidade em que se encontra a estrada para o sitio Jurema”. Relatou o vereador.   

Assista a seguir todo o discurso do vereador Marcílio Pires!

Redação & Fotojornalismo:
Vanderlei Vanderlei Miron DRT 5970