Select your Indioma and enjoy our page!

terça-feira, 24 de maio de 2022

Grave acidente com Duas vítimas fatais na saída de Custódia para Sertânia

Na noite desta segunda-feira, dia 23 de maio, um grave acidente envolvendo motociclistas na BR 232 no km 329 vitimou duas pessoas.

O fato ocorreu por volta das 18h45min, há dois km do posto Sertão sentido Custódia a Cruzeiro do Nordeste, no município de Sertânia – PE.

Segundo informações de populares, no acidente faleceu uma mulher, conhecida por Emília e Matheus Carrieri.

Há informações que residia no Barro Vermelho, município de Sertânia.

Há informações que houve uma colisão entre as motos vitimando os dois. Uma moto de cor vermelha e outra preta. A moto de cor vermelha com placa PDX0J48 é a preta sem placa. (Tribuna do Moxotó

(Repórter do Pajeú)

Fonte:http://blogjuniorterra.blogspot.com/2022/05/grave-acidente-com-2-vitimas-fatais-na.html

Bolsonaro demite presidente da Petrobras após 40 dias no cargo

O presidente Jair Bolsonaro demitiu nesta segunda-feira o presidente da Petrobras, José Mauro Coelho, que estava há 40 dias no cargo, em meio à pressão incessante devido aos aumentos dos preços dos combustíveis.

“O Governo Federal, como acionista controlador da Petróleo Brasileiro S.A. – Petrobras, participa que decidiu promover a alteração da presidência da empresa”, anunciou em nota o Ministério de Minas e Energia.

Sem citar os motivos específicos da demissão, o governo agradeceu Coelho por sua gestão e ressaltou que “o Brasil vive atualmente um momento desafiador, decorrente dos efeitos da extrema volatilidade dos hidrocarbonetos nos mercados internacionais”, segundo o comunicado.

Como novo presidente, o governo propôs Caio Mário Paes de Andrade, atual secretário de Desburocratização do Ministério da Economia. Os dois presidentes anteriores, Roberto Castello Branco e Joaquim Silva e Luna, também foram demitidos em meio ao aumento dos preços dos combustíveis.

“O indicado reúne todas as qualificações para liderar a companhia a superar os desafios que a presente conjuntura impõe, incrementando o seu capital reputacional, promovendo o contínuo aprimoramento administrativo e o crescente desempenho da empresa, sem descuidar das responsabilidades de governança, ambiental e, especialmente, social da Petrobras”, diz a nota.

Fonte:istoe.com.br/bolsonaro-demite-presidente-da-petrobras-apos-40-dias-no-cargo/

sábado, 21 de maio de 2022

Iguaracience morre em acidente de carro entre Tabira e Afogados

 

Na tarde deste sábado (21) aconteceu um trágico acidente entre as cidades de Tabira e Afogados da Ingazeira que acabou vitimando o iguaracience, José Nogueira de Cordeiro Filho, o Nogueirinha.

Seu irmão Max Karll, conhecido por Kaká também estava no veículo, mas sobreviveu.

O acidente ocorreu na entrada da Varzinha. Nogueirinha estava dirigindo o veículo que colidiu com uma D-20.

A prefeitura de Iguaracy emitiu uma nota de pesar:

"O Governo municipal de Iguaracy, lamenta profundamente o falecimento do Servidor Público, José Nogueira de Carvalho Filho, ocorrido na tarde de hoje.

A saudade eterniza a presença de quem se foi. Com o tempo esta dor se aquieta, se transforma em silêncio que espera, pelos braços da vida um dia reencontrar.

Que Deus conforte o coração de todos os familiares e amigos."

Fonte:afogadosconectados.com

COMUNICADO

 

quarta-feira, 18 de maio de 2022

Semana Saúde em Ação em Tabira (18/05).

 

Mais de 90 bebês e crianças esperam vagas de UTI em Pernambuco; ‘situação é caótica’, diz médica

G1

O número de menores de idade que aguardavam vagas em Unidades de Terapia Intensiva (UTIs), nesta terça (17), chegou a 91, em Pernambuco. Uma lista enviada pelo governo ao Ministério Público (MPPE) apontou que havia 11 bebês e 80 crianças na fila. Desse total, 62 precisavam de leitos para pacientes com Síndrome Respiratória Aguda Grave (Srag).

Dados da Secretaria Estadual de Saúde (SES-PE) mostraram que a espera dobrou na última semana. Em 8 de maio, eram 40 solicitações para leitos de UTI, sendo quatro para adultos e 36 para crianças. No domingo (15), chegou a 73 o número de solicitações, sendo três para adultos e 70 para crianças.

Uma médica que trabalha em seis unidades públicas de saúde do Recife e da Região Metropolitana relatou que a situação é gravíssima e que chegou a ver o oxigênio ser retirado de uma criança menos grave para socorrer uma que teve uma crise convulsiva.

Por medo de represália, ela preferiu não ser identificada, mas afirmou que bebês e crianças chegam a passar quatro dias esperando por uma vaga em leito de UTI. Com um quadro de saúde grave, a demora, algumas vezes, é fatal.

“A situação é caótica. As crianças estão morrendo. No meu plantão, tinha uma bebê de dois meses que esperou quatro dias. No quarto, a gente conseguiu transferir, finalmente. Ela chegou ao Barão de Lucena, foi intubada e no dia seguinte faleceu”, lembrou.

 

Segundo a médica, há relatos de ao menos três óbitos em 15 dias. Além da bebê de dois meses, ela soube da morte de outros bebês de sete e de nove meses.

“Se a gente tem o Barão de Lucena e Imip [Instituto de Medicina Integral Professor Fernando Figueira] funcionando, com vaga, a gente tem outras possibilidades antes de tentar intubar. E a gente não está tendo isso”, afirmou.

A médica também disse que, por causa da situação, os plantões acabam ficando “fechados”. “Só atende quem chegar grave. Febre, coceira no corpo, diarreia, não atende. E a gente está tendo uma série de problemas com famílias, que não entendem que não existem vagas, ficam revoltadas”, contou.

A Promotoria de Justiça de Defesa da Saúde da Capital informou, por nota, que acompanha diariamente a listagem da ocupação de UTI e que, diante do aumento da fila de espera, instaurou uma notícia de fato, na segunda-feira (16).

Também na segunda, foi remetido ofício ao Secretário Estadual de Saúde, André Longo, para que fossem apresentadas, no prazo de 72 horas, “as razões para o expressivo aumento da fila de espera por leito de UTI infantil com Srag na rede estadual de saúde, nas últimas semanas, bem como as providências adotadas para a solução do problema”.

O que diz a SES-PE?

Por nota, a Secretaria Estadual de Saúde afirmou que Pernambuco vive atualmente seu período de sazonalidade das doenças respiratórias, quando, historicamente, há uma maior ocorrência.

A SES-PE reconheceu o aumento no fluxo de atendimentos pediátricos e disse que ele ocorre em toda a rede hospitalar, pública e privada.

A secretaria também explicou que predominam casos infecciosos, como vírus sincicial respiratório e rinovírus e que, nos leitos voltados para casos de Srag na rede pública, menos de 2% apresenta infecção pela Covid-19.

O governo informou que vem trabalhando para ampliar a rede e atende o público “de forma descentralizada e regionalizada”.

A SES também afirmou que mantém contato com entidades de classe e os serviços de referência e realizou uma reunião, nesta terça, para tratar da assistência pediátrica no estado, mas não informou o que foi definido no encontro.

A SES afirmou que, desde o ano passado, foram abertos mais de 30 leitos de UTI para este público e que, atualmente, a rede de saúde pública de Pernambuco conta com 233 vagas para bebês e crianças com quadros respiratórios.

São 106 de UTI e 127 de enfermaria. A ocupação geral destes leitos está em 72%, sendo 63% nas vagas de enfermaria e 87% nas de Terapia Intensiva.

Bolsonaro move ação contra Alexandre de Moraes no STF e o acusa de abuso de autoridade

Por Bela Megale/O Globo

O presidente Jair Bolsonaro apresentou uma ação no Supremo Tribunal Federal (STF) contra o ministro Alexandre de Moraes. Bolsonaro acusa Moraes de abuso de autoridade. O presidente afirma que o ministro teria realizado “sucessivos ataques à democracia, desrespeito à Constituição e desprezo aos direitos e garantias fundamentais”.

Na notícia-crime encaminhada ao presidente da corte, Luiz Fux, nesta segunda-feira, Bolsonaro enumera cinco justificativas que, em sua avaliação, fundamentam a ação contra o Alexandre de Moraes na própria corte a qual ele pertence. A ação é assinada pelo advogado Eduardo Magalhães.

A primeira razão, segundo o presidente, seria a “injustificada investigação no inquérito das Fake News, quer pelo seu exagerado prazo, quer pela ausência de fato ilícito”. O segundo motivo seria “não permitir que a defesa tenha acesso aos autos”. A terceira alegação de Bolsonaro é que “o inquérito das Fake News não respeita o contraditório”. O quarto motivo apontado por ele é que Moraes teria decretado, contra investigados, medidas não previstas no Código de Processo Penal, contrariando o Marco Civil da Internet. O quinto e último ponto afirma que, mesmo após a PF ter concluído que o presidente da República não teria cometido crime em sua live, sobre as urnas eletrônicas, Moraes “insiste em mantê-lo como investigado”.

Essa não é a primeira vez que Bolsonaro mira Moraes. No ano passado, ele apresentou um pedido de impeachment contra o ministro no Senado, mas a solicitação foi arquivada pela Casa.  O presidente também já promoveu ataques diretos ao STF, participando de atos antidemocráticos com bandeiras como o fechamento do Supremo e o apoio à ditadura militar. Em setembro do ano passado, Bolsonaro fez críticas diretas a Moraes em evento na Avenida Paulista.

No último domingo, o presidente também criticou, em um encontro com apoiadores, o inquérito das fake news e o classificou de “ostensivo”. Ele voltou a desacreditar os ministros do STF.

— Eu vou ter que acreditar no senhor Barroso, Fachin, Alexandre de Moraes? Eles têm todo direito de defender a instituição. Todo direito. Agora não posso falar que o Poder Executivo é puro, que não comete deslize, eu não posso falar isso. E a mesma coisa outras instituições, afirmou.

A investida do presidente contra Moraes ocorre em um momento em que Bolsonaro e membros do governo reforçam críticas à segurança do sistema eleitoral, sem terem apresentado provas para as acusações. O ministro será o presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) durante o pleito de outubro.

Nas últimas semanas, o presidente ainda defendeu a realização de uma auditoria externa no processo eleitoral por uma empresa contratada por seu parido, o PL. Os ataques de Bolsonaro às eleições e à democracia têm sido rebatidos por lideranças do Judiciário, como o presidente do TSE, Edson Fachin, e o presidente do Congresso, Rodrigo Pacheco.

terça-feira, 17 de maio de 2022

Hoje tem entrega do SAMUT é a Sala do Mãe Coruja (17/05).

 

Sertânia, Solidão, Santa Terezinha e Triunfo são beneficiados com instalações de poços movidos a energia solar do governo federal

 

O Governo Federal, por meio da Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e Parnaíba (Codevasf) perfurou e instalou 51 poços tubulares movidos à energia solar no primeiro trimestre de 2022, para assegurar a agricultores pernambucanos o acesso a água, sem o ônus da conta de energia.

A ação ocorre no âmbito da Força-Tarefa das Águas, um esforço conjunto de órgãos do Governo Federal para levar água de qualidade a comunidades rurais desassistidas por companhias de saneamento.

De acordo com o superintendente regional da Codevasf em Pernambuco, Aurivalter Cordeiro, apenas no primeiro trimestre de 2022 a Companhia investiu cerca de R$ 1,5 milhão em perfuração e instalação de poços.

Simão José de Brito, agricultor do Assentamento Nossa Senhora de Fátima, é um dos beneficiados. “As famílias trazem os animais aqui para beber. A água é pra quem precisar. Eu também já consegui até fazer uma horta com essa água, além dos meus animais terem como matar a sede”, disse Brito.

Na ordem alfabética, os municípios pernambucanos beneficiados com os poços foram: Água Preta, Arcoverde, Betânia, Bonito, Brejo de Madre de Deus, Buíque, Cabrobó, Carnaubeira da Penha, Catende, Cedro, Chã de Alegria, Ibimirim, Lagoa do Itaenga, Machados, Orocó, Palmares, Palmeirina, Panelas, Parnamirim, Pedra, Pesqueira, Santa Cruz do Capibaribe, Santa Maria da Boa Vista, Santa Terezinha, São Bento do Una, São Lourenço da Mata, Serrita, Sertânia, Solidão, Triunfo, Tupanatinga, Verdejante e Vitória do Santo Antão.

Força-Tarefa das Águas

Com a Força-tarefa das Águas, o Governo Federal vai viabilizar água tratada permanente para mais de 600 mil pessoas nas regiões mais necessitadas do país, totalizando cerca de 1,5 milhão de brasileiros beneficiados até o final de 2022. A ação conta com a participação dos ministérios do Desenvolvimento Regional, Saúde, Cidadania e Defesa, além de Codevasf, Dnocs e Funasa.

Fonte:https://penoticias.com.br/blog/sertania-solidao-santa-terezinha-e-triunfo-sao-beneficiados-com-instalacoes-de-pocos-movidos-a-energia-solar-do-governo-federal/

segunda-feira, 16 de maio de 2022

Bolsonaro diz que sancionará piso salarial da enfermagem

 

O presidente Jair Bolsonaro (PL) afirmou que sancionará o projeto que cria o piso salarial da enfermagem. A declaração foi feita neste domingo (15) a jornalistas. “Pretendo sancionar. Estou no aguardo da definição sobre qual será a fonte de recursos”, disse o presidente.

A Câmara dos Deputados aprovou o projeto em 4 de maio. Como o Senado já havia analisado a proposta, falta agora só à sanção presidencial para que a medida entre em vigor. Contudo, o Congresso ainda não definiu qual será a fonte de custeio para os gastos provocados pelo novo piso.

O grupo de trabalho que analisou o projeto na Câmara estima gasto anual de R$ 16,3 bilhões. A conta inclui as despesas para o poder público (Estados, municípios e União) e a iniciativa privada. Contudo, outras entidades – como o Ministério da Saúde– estipulam custo superior. O governo federal calcula R$ 22 bilhões por ano para manter o piso. O grosso do aumento de despesas seria para Estados, municípios e iniciativa privada.

O projeto aprovado pelo Legislativo estipula que os enfermeiros contratados pelo setor público e pelo setor privado nas regras da Consolidação das Leis do Trabalho (CLT) ganhem ao menos R$ 4.750. Técnicos de enfermagem devem ganhar, no mínimo, R$ 3.325, e auxiliares de enfermagem e parteiras, R$ 2.375.

A relatora do projeto na Câmara, deputada Carmen Zanotto (Cidadania-SC), afirmou que o envio para a sanção será retardado até a aprovação de uma PEC que viabilize tecnicamente o projeto e seja encontrada uma fonte de financiamento. Esse é um arranjo incomum. A praxe no Congresso é enviar propostas para sanção depois de aprovadas. Mas não há prazo para isso ser feito.

Se a Câmara realmente retardar o envio até haver uma fonte de recursos, poderá evitar um desgaste político de Bolsonaro com os enfermeiros. Isso porque, tecnicamente, é necessário vetar projetos que aumentam despesas sem dizer como serão bancadas.

Caso Bolsonaro sancione, mesmo com indicação de origem de recursos, terá de lidar com um problema econômico. As despesas do governo e, principalmente, de Estados e municípios – além de hospitais da iniciativa privada – aumentarão.

A Associação Nacional de Hospitais Privados é contra o projeto em seu formato atual. “Não existe ninguém que seja contra o mérito da iniciativa. Mas boa parte dos hospitais não tem lucros que permitam enfrentar essa despesa”, defendeu o diretor-executivo da entidade, Antônio Britto.

quinta-feira, 12 de maio de 2022

Obras de abastecimento no Sertão são vistoriadas pela Compesa – Comunidade de Lagoinha de Tabira é uma delas.


Da Assessoria

Dando continuidade às vistorias das obras de infraestrutura para o saneamento no interior do estado, nesta quarta-feira (11), o diretor Regional de Interior da Compesa, Mário Heitor, acompanhado de equipe técnica, esteve nos municípios de Bodocó, Salgueiro, Serrita e Serra Talhada acompanhando as intervenções em andamento para melhoria da oferta de água, anunciadas pelo governador Paulo Câmara e executadas pelo Plano Retomada.

No município de Bodocó, foram vistoriadas as obras de implantação da Adutora Lopes II, projeto que consiste no assentamento de 13 quilômetros de tubulações, desde a captação na Barragem Lopes II até a Estação de Tratamento de Água Luiz Gonzaga, localizada em Bodocó. A iniciativa também prevê melhorias na estação de tratamento, permitindo a ampliação da oferta de água para Bodocó, Exu, Granito e Moreilândia, com incremento de 70% para o sistema de abastecimento local. O investimento, da ordem de R$ 7 milhões, beneficiará 45 mil.

Já em Serrita, a equipe visitou as obras de ampliação do sistema de abastecimento do município. As intervenções incluem a implantação de captação de água sobre flutuante no Reservatório de Negreiros (componente do Eixo Norte da Transposição do Rio São Francisco) e implantação de 22 quilômetros de tubulações até a Estação de Tratamento de Água de Serrita, ampliando a atual vazão de oito litros por segundo para 42 litros por segundo. Com o início da operação do novo sistema será possível garantir mais segurança hídrica à cidade, beneficiando mais de 12 mil pessoas. O investimento é de R$ 10,1 milhões.

Em Salgueiro, foi acompanhada a nova captação de água sobre flutuante no Reservatório de Negreiros, componente do Eixo Norte da Transposição do Rio São Francisco, em operação desde janeiro desse ano. O Governo do Estado, através da Compesa, investiu R$ 8 milhões na obra de ampliação do Sistema de Abastecimento de Água de Salgueiro, beneficiando 70 mil pessoas. A obra foi composta pela implantação da captação e assentamento de seis quilômetros de adutora para interligar no Sistema Integrado do Sertão, levando uma vazão de água suficiente para melhorar significativamente a oferta para a cidade. Com o início da operação do novo Sistema está sendo possível garantir mais segurança hídrica à cidade, com o aumento da oferta de água em 40%, com vazão de 200l/s.

“É com grande satisfação que vemos tantas obras sendo executadas pelo Governo do Estado, por meio da Compesa, para melhorar a vida da população, a exemplo da nova Adutora de Negreiros, em Salgueiro. Agora, estamos ampliando a adutora até Serrita, ação que fará toda a diferença no abastecimento de água do município. São investimentos significativos que trazem segurança hídrica para a região”, ressaltou o diretor Regional do Interior da Compesa, Mário Heitor.

Por fim, no município de Serra Talhada, foram vistoriadas as obras de implantação do sistema produtor de água para o Residencial Vanete Almeida e sua área de expansão. O projeto contempla o assentamento de nova adutora que vai atender além do Residencial, o Hospital Geral do Sertão, o Condomínio Industrial e o loteamento Jardim Estrela, onde será construído um hotel com 240 apartamentos. Serão implantados 4,8 quilômetros de adutora às margens da BR-232 para levar água para essa área de expansão, com investimento de cerca de R$ 2,5 milhões. A previsão é que os serviços sejam concluídos em junho deste ano.

O Blog Miron Notícias complementou com mais informações:

A redação do Blog Miron Notícias recebeu informações dos moradores da Comunidade de Lagoinha de Tabira - PE, em que a Compesa esteve nesta quarta-feira dia 11 de maio nesta Comunidade acima citada, e que no máximo 30 dias estará realizando os primeiros testes na nova rede, de 1 Polegada para 60 polegadas.

"Já faz mais de 30 anos que os moradores conseguiram uma verba de um Deputado, que trouxe água potável para essa Comunidade, os canos foram comprados na época de 1 polegada, é as valas foram cavadas a mão pelos moradores, devido o crescimento é a chegada de novas famílias, já soma o total de 60 famílias, não tendo condições de atender a demanda, foram realizadas varias reivindicações, sem sucesso os moradores procuraram a Câmara de vereadores de Tabira, tendo o total apoio da Vereadora Nelly Sampaio filha do Ex - prefeito Rosalvo Sampaio (MANO)."

"Não aceitando a condenação da rede, é o fim dos serviços da Compesa Nesta Comunidade, a Vereadora Nelly Sampaio é o Jornalista Vanderlei Miron, entrou em contato com o Deputado Valdemar Borges, e outras lideranças politicas, que se prontificou em ajudar, e obtendo êxodo, conseguiu um novo projeto de abastecimento". Relatou Vanderlei Miron.

As obras de Lagoinha estão paradas desde Novembro de 2021, com o apoio de nossa Prefeita Nicinha Melo, onde voluntariamente Lideres destas Comunidades Vanderlei Miron é Gilvan conseguirão ajudar a Compesa a colocar 800 metros de canos, trabalho este realizados todos os sábados.

"Temos um olhar voltado para o desenvolvimento de nossa Tabira, todas as ajudas é bem vinda, a exemplo de uma moradora da Comunidade que fez doações de caçamba de areia, para a proteger os canos devido parte do solo ter muitas pedras." Relatou Vanderlei Miron.