Select your Indioma and enjoy our page!

sábado, 21 de setembro de 2019

Henry quer sair candidato, mas tem cordão umbilical no PSB


A imagem pode conter: 1 pessoa, sorrindo, close-up

Por Jornalista Magno Martins

O presidente estadual do MDB, Raul Henry, está fortemente declinado a entrar na disputa pela Prefeitura do Recife nas eleições do ano que vem. Já recebeu até estudos de projeções que o colocam numa posição com potencial de crescimento num cenário em que o MDB possa ser cabeça de chapa numa frente agregando partidos de oposição ao Governo Geraldo Júlio (PSB).

Mas poucos acreditam que Henry tenha, de fato, disposição para romper o cordão umbilical com as forças governistas. Em entrevista ao Frente a Frente, o deputado admitiu que vem sendo sondado e aconselhado a pensar com mais entusiasmo na possibilidade de sair candidato.

A política muda como as nuvens, já dizia Ademar de Barros. Num quadro em que o MDB seja contemplado com a vice na chapa do pré-candidato do PSB a prefeito, João Campos, Henry se engessa. Se o PT, entretanto, vier a ser o preferido na chapa, no lugar do MDB, o quadro muda de configuração.

Bem na foto – Na condição de pré-candidato a prefeito do Recife, o deputado João Campos (PSB) tem ocupado os fins de semana para massificar seu nome na periferia da capital. Por onde passa, tem sido extremamente assediado para selfies, principalmente pelo eleitorado feminino. Nas pesquisas internas do PSB, aparece bem situado e por isso é encarado como fortíssimo candidato.

Cabeça fria – O senador Fernando Bezerra administrou o turbilhão midiático na última quinta-feira, quando seu gabinete foi vasculhado pela Polícia Federal, até o final da tarde, quando o Congresso mais parece um cemitério jogado às moscas. À noite, embarcou para sua Petrolina, já de cabeça mais fria, certo de que tomou a melhor decisão ao entregar a liderança.

Apoiadores – Em Abreu e Lima, o pré-candidato do PSB, Murilo do Povo, agrega apoiadores de fora, mas que têm forte influência eleitoral no município, como Yves Ribeiro, Paulo Volia, José de Irmã Teca, Marcelo Gouveia e o ex-prefeito de Itapissuma, Cal Volia, além do prefeito de Paudalho, Marcelo Gouveia. Devem aderir, ainda, Júnior Matuto, Mário Ricardo e Joamy Alves.

Filiação – O ex-prefeito de Afogados da Ingazeira, Totonho Valadares, ex-tucano, acertou com a cúpula do MDB a sua filiação para a próxima quinta-feira, num ato com o presidente Raul Henry e o senador Fernando Bezerra Coelho. Rompido com o prefeito Patriota, Valadares sai candidato pela oposição.

Em primeiro – O secretário estadual de Turismo, Rodrigo Novaes, comemorou, ontem, a pesquisa nacional em que Recife aparece na dianteira entre as capitais mais procuradas para o Réveillon deste ano. “O turismo cresce e traz desenvolvimento”, postou em seu Instagram.

Quem banca? – O deputado Felipe Carreras recebeu R$ 1,3 milhão de ajuda do fundo eleitoral do PSB para a sua campanha de 2018, mas mesmo assim vai votar contra o fundo em discussão final pela Câmara na próxima semana. Se não quer financiamento público, como vai bancar a sua reeleição?

Perguntar não ofende: Daniel Coelho, que também recebeu financiamento público, vai seguir o voto de Felipe?

Solange Almeida - Ei, ninguém consegue fingir ser quem não é por muito tempo. Marque alguém especial que precisa ouvir isso! (Texto: @ceciliasfalsin)

Agora eu quero ver (Pinga na zona) - Bia Socek Feat. Solange Almeida / Clipe oficial

Bia Socek – Seu Amor Sou Eu


CONTATO PARA SHOWS: (22) 9 8124-9401- ALEXANDRE
WHATS Bia Socek: 62 - 9805-2457

SISTEMA ADUTOR DO PAJEÚ SERÁ PARALISADO PARA OBRA NA NOVA ESTAÇÃO DE TRATAMENTO DE ÁGUA DE TABIRA

Resultado de imagem para Eta Tabira
Tabira - Pernambuco


Resultado de imagem para Paulo Camara VAnderlei Miron


Paulo Câmara - Governador de Pernambuco

Vanderlei S. Miron - Jornalista DRT/5970



Manuela Marinho - Presidente da Compesa




Gisela Ramos - Gerente da Compesa de Tabira


A paralisação está programada para a próxima terça-feira (24).

Para realizar uma das etapas da obra de implantação da nova Estação de Tratamento de Água de Tabira, a Compesa programou, para a próxima terça-feira (24), uma paralisação do Sistema Adutor do Pajeú, com duração de 14 horas. A parada está prevista para iniciar às 6h e terminar às 20h, período que será suspenso o abastecimento de água na cidade de Tuparetama, e será parcialmente impactada a cidade de São José do Egito, uma vez que haverá redução de 20% do volume de água distribuída.

O fornecimento de água para Tuparetama e São José do Egito será regularizado a partir das 20h da terça-feira, quando os técnicos da companhia finalizarem os serviços de interligação da adutora de água bruta à nova ETA, que fica localizada na entrada da cidade de Tabira (próximo ao distrito de Riacho do Gado). A obra de implantação da Estação de Tratamento de Água, que iniciou em junho deste ano, ainda prevê outras intervenções como os testes na estação elevatória (bombeamento), e deve ser concluída até o final do mês de outubro.

Com o início da operação da nova unidade, a expectativa é levar melhorias significativas para o abastecimento de água não só em Tabira, mas também para Afogados da Ingazeira, que passarão a ter áreas das cidades livres do rodízio de distribuição de água.

Fonte: nilljunior.com.br

Compesa tem uma mulher como novo presidente

Pela primeira vez, em 48 anos de história, a Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa) é comandada por uma mulher. Nesta segunda-feira (19), Manuela Marinho assumiu a gestão da companhia com o desafio de ampliar o abastecimento de água e esgotamento sanitário em Pernambuco, e uma perspectiva de R$ 1 bilhão em investimentos  em obras de abastecimento de água  e esgotamento sanitário para 2019. A presidência da Compesa foi repassada para Manuela Marinho por Roberto Tavares – que esteve na estatal por 12 anos, dos quais  quase nove como diretor-presidente – durante cerimônia ocorrida no Centro Administrativo Governador Eduardo Campos, sede da companhia, no bairro de Santo Amaro, Recife. A solenidade, em auditório lotado, contou com a presença da vice-governadora de Pernambuco, Luciana Santos, da secretária de Infraestrutura e Recursos Hídricos (Seinfra), Fernandha Batista, e do presidente do Conselho Administrativo da Compesa, João Bosco de Almeida, além de prefeitos, secretários de Estado e demais autoridades.

À frente de 7 mil colaboradores (diretos e indiretos), Manuela tem a missão de finalizar importantes obras hídricas estruturadoras, como a primeira etapa da Adutora do Agreste, que possibilitará abastecer com água da Transposição do Rio São Francisco 23 cidades, a maioria localizada na região Agreste. Para se integrar às tubulações da Adutora do Agreste, são executados empreendimentos grandiosos que transportarão água de uma região para outra, como a Adutora de Serro Azul, o Sistema dos Poços de Tupanatinga e a Adutora do Alto Capibaribe, essa última inclusive de alcance interestadual (vai levar água da Paraíba para Pernambuco). “A Compesa é uma das empresas mais desafiadoras do nosso Estado porque presta serviços essenciais que impactam diretamente na qualidade de vida de mais de sete milhões de pernambucanos em 172 municípios, além do distrito de Fernando de Noronha. Vamos trabalhar pelo fortalecimento da gestão, tocar os atuais projetos e criar novas oportunidades, tendo em vista que o saneamento é uma das grandes marcas da gestão de Paulo Câmara”, disse Manuela Marinho, que ao lado do governador, envidará esforços para formalizar o convênio de execução da segunda etapa da Adutora do Agreste, estimada em R$ 2 bilhões.

Ainda no interior, a nova presidente vai administrar obras de implantação de sistemas de coleta e tratamento de esgoto como as que são realizadas nas cidades de  Caruaru, Sanharó, Belo Jardim e Gravatá, todas no Agreste, que são alguns empreendimentos previstos no Programa de Saneamento Ambiental da Bacia do rio Ipojuca ( PSA Ipojuca), recursos do Governo do Estado e Bid ( Banco Interamericano de Desenvolvimento) e no Programa de Sustentabilidade Hídrica de Pernambuco-PSH. Este último  abrange obras de esgotamento sanitário em Santa Cruz do Capibaribe e Surubim, além de execução de projetos para implantação de sistemas de esgoto em 11 cidades banhadas pelo Rio Capibaribe, recursos financiados pelo Banco Mundial ( Bird).

Já na Região Metropolitana do Recife (RMR), Manuela Marinho irá tocar obras que estão em andamento  para melhoria do abastecimento para a região do Ibura e dos Morros da Zona Norte, no Recife, para ampliação do Sistema de Suape-Ipojuca e também o projeto Olinda+Água, que tem o objetivo de estabelecer o fornecimento de água todos os dias para 15 bairros da cidade de Olinda, até o ano de 2021. Manuela Marinho ainda vai administrar a maior Parceria Pública Privada do país, a PPP do Saneamento de Pernambuco, o Programa Cidade Saneada. Iniciado em 2013, o programa tem a missão de ampliar de 30% para 90% a cobertura de esgotamento sanitário nas 15 cidades da RMR até o ano de 2037. Ao final do projeto serão aplicados R$6,7 bilhões, recursos públicos e privados, iniciativa que beneficiará 5 milhões de pessoas.



A nova presidente da Compesa é formada em Engenharia Civil pela Universidade Federal de Pernambuco (UFPE) e pós-graduada em Engenharia de Segurança do Trabalho pela Universidade de Pernambuco (UPE). É auditora fiscal da Secretaria da Fazenda da Paraíba. Manuela Marinho foi convidada para atuar no Governo de Pernambuco em 2013, na gestão do então secretário da Fazenda, Paulo Câmara. Em 2016, assumiu a Secretaria Executiva do Programa de Desenvolvimento do Turismo de Pernambuco (Prodetur), onde permaneceu até 2018. Neste mesmo ano, passou a comandar interinamente a pasta de Turismo, Esportes e Lazer de Pernambuco. Em 2019 foi designada pela secretária Fernanda Batista para gerir a área de Transportes da Seinfra. Após oito meses de gestão na nova pasta, Manuela Marinho foi convidada pelo governador para administrar a Compesa.

Fonte: sertaocentral.com

sexta-feira, 20 de setembro de 2019

EM TABIRA, HOMICÍDIO REGISTRADO NA NOITE DESTA QUINTA – FEIRA (19).


Durante a Operação Combate ao CVLI e CVP, a GT de Operações e GT de Tabira foi informada pela permanência da 2º CPM sobre um homicídio ocorrido no bairro Fátima II, em Tabira-PE.

Segundo o relato de E. N., 35 anos, ele conduzia a vítima Valdeilton G. de M., 31 anos, na garupa de sua motocicleta Pop 100, vermelha, quando foram surpreendidos por dois indivíduos encapuzados numa moto preta, foi quando ouviu disparos e sentiu seu braço esquerdo queimando, momento em que acelerou a moto e a Valdeilton caiu. Os criminosos passaram a efetuar disparos de arma de fogo contra a vítima caída.

O policiamento foi até o local da ocorrência e constatou a veracidade do fato, onde foi acionada a polícia civil, e o IC para realizar a perícia. Foi verificado pelo IC que Valdeilton recebeu duas perfurações nas costas, duas na cabeça e uma no braço esquerdo.

Além disso, durante a perícia, foi encontrado no interior do capacete que a Valdeilton usava uma porção de substância semelhante a cocaína, acondicionada em saco plástico e pesando aproximadamente 03 (três) gramas; nos bolsos do short havia R$ 907,00 (novecentos e sete reais), 01 (um) celular da marca Samsung e documentos pessoais.

Em seguida, ao ser feita busca na moto Pop 100, foi encontrado embaixo do assento uma faca peixeira de sete polegadas e um celular também da marca Samsung.

Todo material foi apreendido e conduzido à Delegacia de Polícia de Afogados da Ingazeira juntamente com E. N. S., onde foi instaurado inquérito para apurar o fato.

Valdeilton tinha passagem pela polícia por possuir carro clonado. O corpo foi encaminhado ao IML de Caruaru-PE.

Foi realizado diligências à procura dos criminosos, porém sem êxito.

O repórter Vanderlei Miron esteve no local, em tempo real, através de nossa pagina Face book Vanderlei Silva Miron, Confira a seguir!

quinta-feira, 19 de setembro de 2019

Solange Almeida, Mensagem de Fé – Salmos 125:1

Solange Almeida, “Delícias, aqui está minha #AgendaSemanal pra vocês. Me diz: em qual destes shows você quer ir?”

A imagem pode conter: 1 pessoa, sorrindo

PT dividido no Recife e Brasília


A imagem pode conter: 4 pessoas, pessoas sorrindo, pessoas em pé

Por Jornalista Magno Martins

O PT ainda não tem em Brasília uma convicção firmada de que o melhor para o partido no Recife é continuar abraçado ao PSB em aliança para as eleições do ano que vem. Como acontece com a direção estadual, a nacional está rachada ao meio.

Em entrevista exclusiva, ontem, ao Frente a Frente, o líder das Minorias na Câmara dos Deputados, o cearense José Guimarães, cotado para líder do PT no próximo ano, está fechado com a tese de que o partido deve estimular e apoiar a deputada Marília Arraes.

Guimarães, aliás, já sugeriu a ela própria que anunciasse a pré-candidatura e disse que falava também em nome de Lula, a quem tem visitado constantemente na prisão, em Curitiba.

Já a corrente do senador Humberto Costa tem um pé atrás com candidatura própria e, embora admita ser uma possibilidade discutível dentro do PT, trabalha nos bastidores para a legenda apoiar a candidatura de João Campos (PSB).

Visões diferentes – Na longa entrevista que concedeu a este colunista e blogueiro, o deputado José Guimarães (PT-CE) revelou que, se Lula vier a ganhar liberdade em final outubro, prazo que o partido julga mais realista, a tese de candidaturas próprias nas principais capitais ganha consistência. Humberto já acha o contrário. Diz que Lula é aliancista e vai trabalhar para agregar forças já com vistas a 2022.

Mão estendida – Os produtores de álcool do Nordeste, entre eles o presidente do Grupo EQM, empresário Eduardo Monteiro, voltaram aos seus Estados, ontem, mais animados com o compromisso firmado perante eles pelo presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), de barrar a portaria ministerial que dá tratamento diferenciado à importação do etanol dos Estados Unidos.

Casa civil – Na reforma ministerial que se avizinha, o ministro da Casa Civil, Onyx Lorenzoni, pode ser remanejado para a pasta de Educação. A princípio, o nome mais cotado para assumir o lugar de Lorenzoni, responsável pela coordenação do Governo, é o do líder do Governo no Senado, Fernando Bezerra Coelho (MDB). Agrada a gregos e troianos da base governista no Congresso.

Deu força – Por falar em Fernando Bezerra Coelho, a Confederação Nacional dos Prefeitos reconhece o papel que o líder do Governo teve para manter na Câmara o mesmo texto da cessão de direitos do leilão do pré-sal aprovado no Senado. O critério do fatiamento permanece como base o FPE e FPM.

Queima de arquivo? – A notícia de que o ex-vice-presidente do grupo Odebrecht, Henrique Valladares, foi encontrado morto na sua residência, no Rio, caiu como uma bomba em Brasília. Foi ele que afirmou em depoimento na Lava Jato ter pago R$ 50 milhões ao agora deputado Aécio Neves (PSDB-MG).

ABRIGO – O presidente da Câmara, Rodrigo Maia, está cumprindo o que prometeu aos deputados do PSB punidos por terem votado a favor da reforma da Previdência. Felipe Carreras, por exemplo, voltou a ser titular da Comissão de Defesa do Consumidor. Com a palavra, o presidente Carlos Siqueira.

Perguntar não ofende: O governador de Alagoas, Renan Filho (MDB), age certo ao boicotar as reuniões dos seus colegas do Nordeste?

VEREADOR MARCÍLIO PIRES FAZ REQUERIMENTO A COMPESA PELA SUBSTITUIÇÃO DE CANOS DE AGUÁ DA COMUNIDADE DE LAGOINHA, DE 32 MM POR 85 MM


A Comunidade de Lagoinha de Tabira, localizada no Sertão de Pernambuco, vem sofrendo com a falta de água, isso ocorre devido o projeto de abastecimento ser antigo, instalado há 20 anos.

Com o crescimento da comunidade, vários moradores já procurarão o escritório da Compesa de Tabira, para a realização de novos serviços, conforme a fala de Gisele (Diretora Local da Compesa de Tabira), isso não é possível devido o projeto atual esta condenado, pois o cano de 32 mm não dar mais conta de novas demandas.

O Vereador Marcílio Pires (PDT), foi procurado pela Comunidade, sendo informado da situação o vereador fez um requerimento através da Câmara de Vereadores de Tabira (Casa Eduardo Domingos de Lima), na 26º Sessão, realizada no dia 9 de Setembro de 2019, para que a Compesa Regional de Afogados da Ingazeira, faça os estudos no local, a fim de que sejam substituídos os canos de 32 mm por 85 mm, com essa substituição, vai atender a demanda atual, e as futuras famílias daquela Comunidade.

Redação: Jornalista Vanderlei Miron DRT/5970