quinta-feira, 17 de agosto de 2017

STE deverá decidir futuro do prefeito de Tuparetama nesta quinta-feira


A votação do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) sobre a inelegibilidade ou não do prefeito de Tuparetama (PE), no Sertão do Pajeú, Sávio Torres, que estava marcada para ontem (15), foi adiada pelo ministro relator Luiz Fux. Ele explicou que pelo fato de haver divergência, e essa divergência ter sido iniciada pelo ministro Gilmar Mendes (que não estava presente à sessão), adiou o julgamento para a próxima sessão, a ser realizada nesta quinta-feira (17).O ministro Tarcísio Vieira de Carvalho está com o futuro do ex-prefeito em suas mãos.  Votando a favor de Sávio, ele permanece no cargo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário