PROPAGANDA SEGURANÇA PAJEÚ

sexta-feira, 27 de fevereiro de 2015

Calderão da Política em Tabira, Dinca Brandino X Flávio Marques: mais uma guerra travada entre os dois.


Por Anchieta Santos*

O Programa Show da Tarde da quarta-feira (26) foi o palco de mais uma guerra travada entre o ex-prefeito Dinca Brandino e o Secretário Municipal de Administração, Flávio Marques.

Tudo começou quando Dinca ligou para denunciar ao vivo no programa que a Prefeitura de Tabira, através da Secretaria de Administração, teria feito uma convocação para prestadores de serviço às escuras e com “bolas marcadas”. O ex-prefeito disse que o Governo Municipal havia baixado uma portaria, sem respeitar os prazos, convocando pessoas em diversas áreas da administração para serem contratados.

“Eles não estão assumindo o compromisso firmado com o Ministério Público que é de chamar os concursados. Estão fazendo é um pega na rua com bolas marcadas”, denunciou Dinca.

Como de costume, o ex-gestor endureceu o discurso e disparou contra o Governo do Poeta.

“Esse governo é um verdadeiro escândalo, é um lixo. Mas o povo tem o que merece. O povo queria o mal e agora está tendo o mal. É uma vergonha!”, disse.

Para dar uma resposta imediata ligou em seguida o Secretário Municipal de Administração, Flávio Marques e também foi pro ar com artilharia pesada contra o ex-prefeito.

“Tabira estava um lixo na gestão dele (Dinca) que é um incompetente. Eu quero que ele explique à sociedade como foi que ele conduziu o processo seletivo no governo dele”, disse Flávio.

Sobre a denúncia do ex-prefeito, Flávio disse que o governo está fazendo o processo seletivo por recomendação do Tribunal de Contas e do jeito que manda a legislação. O secretário explicou que o processo seletivo na gestão passada foi mal feito e cargos que exigiam uma demanda maior não teve vagas suficientes e citou como exemplo motoristas na categoria D onde foi aberta 1 vaga e que o município, segundo o secretário, tem mais de 17 veículos que exigem profissionais com a categoria D.

“Sebastião Dias convocou os aprovados no concurso e não temos mais classificados. Por conta disso, o Tribunal recomendou que a prefeitura fizesse um processo seletivo para convocar pessoas para assumir esses postos”, explicou.

Calderão da Politica em Tabira, Presidente da Câmara nega CPI para tratar da Escola ESMAR em Tabira.


Por Anchieta Santos*

Ao contrário do que foi divulgado pela imprensa, o vereador Edmundo Barros não protocolou pedido para criação de uma CPI para apurar a cedência das instalações da Escola Esmar (prédio público) a iniciativa privada. A afirmação foi feita pelo Presidente da Câmara de Tabira Marcos Crente.

Falando com a produção dos programas Rádio Vivo e Cidade Alerta ontem à noite, O Presidente disse que a mesma Comissão Especial formada por Aristóteles Monteiro, Djalma das Almofadas e Aldo Santana que investigará as licitações de medicamentos, cuidará do caso ESMAR.

Vamos ler a matéria de Flávio Marques publicada no Blog Tabira Hoje!


Vereador protocola pedido para criar CPI do prédio da ESMAR.

O vereador Edmundo Barros (PMDB) protocolou na noite dessa terça-feira (24) na Secretaria-Geral da Câmara pedido para que seja criada uma CPI do prédio da Escola Maurício Ricardo Pereira de Vasconcelos. O requerimento contou com o apoio dos onze vereadores.

De acordo com o autor da proposta, a Câmara Municipal tem que investigar os atos oficiais e não pode deixar o Município perder o patrimônio.

“Fui o presidente na época em que votamos uma Lei cedendo o prédio por dez anos a escola e agora querem tomar o bem do município. Eu me sinto, colegas, culpado por isso”, desabafou o parlamentar.

Sebastião Ribeiro (PSB) também acompanhou o discurso do colega.

“Quando o projeto chegou aqui em 2002 tinha os documentos dizendo que era patrimônio do município, aí depois de dez anos os documentos desapareceram”, questionou.

O prazo de funcionamento do colegiado é de 60 dias, prorrogável por mais 60. A CPI tem poderes de investigação equiparados aos das autoridades judiciais, como determinar diligências, ouvir indiciados, inquirir testemunhas, requisitar de órgãos e entidades da administração pública informações e documentos, tomar depoimentos de autoridades federais, estaduais e municipais, bem como requisitar os serviços policiais.

quinta-feira, 26 de fevereiro de 2015

Secretário de Administração de Tabira emite nota sobre o trânsito.

Guarda Municipal de Tabira orientando e disciplinando o trânsito.

O secretario de Administração do município de Tabira-PE, Flávio Ferreira Marques, emite nota de esclarecimento a respeito do trânsito municipal depois de ouvir o pronunciamento do empresário Paulo Manú, o qual reclama do trânsito na Rua Desembargador João Paes, conhecida como rua de Zé Maria.

O Secretário lamenta o desconhecimento do empresário e diz que a Guarda municipal já vem fazendo o disciplinamento do trânsito. –“Já foi colocada placa vertical proibindo a subida pela rua, tornando-a mão única. A guarda não tem autorização do DETRAN-PE para realizar autuações nas infrações provocadas por motoristas. Estamos aguardando a liberação do departamento estadual.” Justificou Flávio Marques.

Flávio Marques ainda acrescentou: -“O trânsito só muda quando a gente muda. Em um município de 27 mil habitantes, se todos não estiverem empenhados, a guarda com 13 homens trabalhando fica difícil de organizar, se não houver a colaboração das pessoas. É público e notório o empenho da gestão em solucionar problemas, mas vale salientar que temos nossos limites e o que depende dos outros fica difícil da gente resolver.” Finalizou o secretário.

Vamos ler a matéria enviada para nossa redação, pelo Radialista Anchieta Santos!

Empresário Paulo Manú diz que não dá mais para acreditar no governo tabirense.

Por Anchieta Santos*
A queixa partiu de um aliado de 1ª hora do Governo Sebastião Dias. O empresário Paulo Manú mostrou-se bastante indignado com a falta de ação da administração municipal. Inicialmente reclamou contra a mão dupla da Rua Desembargador João Paes, conhecida como a Rua de Zé Maria da Tabira Auto Peças.

Paulo justificou que a rua é estreita demais e que o ideal seria a utilização com mão única. Questionado se não seria melhor esperar pelo disciplinamento do trânsito numa parceria da Prefeitura com o Detran, o empresário não demonstrou confiança dizendo que: “Prefeito promete, secretário promete e nada acontece. Este governo tem mesmo é muito blá, blá, blá”.

Outra reclamação foi contra a mudança do local da Feira de Troca, colocada numa rua praticamente sem saída, o que enfraqueceu muito o movimento, completou Paulo Manú.

Tabira sedia encontro de Dirigentes Municipais de Educação do Pajeú


O município de Tabira sedia, nessa quinta, dia 26, na sede da Secretaria Municipal de Educação, o encontro de Dirigentes Municipais de Educação do Pajeú, com representantes da secretaria Estadual de Educação – SEE e da UNDIME – União Nacional de Dirigentes Municipais de Educação. Estão presentes representantes de Afogados da Ingazeira, Brejinho, Carnaíba, Calumbi, Iguaracy, Ingazeira, Itapetim, Flores, Quixaba, Santa Cruz da Baixa Verde, Santa Terezinha, São José do Egito, Solidão, Triunfo, Tuparetama e a anfitriã do evento, Tabira. Dos 17 municípios da Regional Serra Talhada não participa porque faz parte do polo de Salgueiro.
Continue lendo clicando no link abaixo!

CIOSAC prende acusado de tentar matar a irmã.


JOSÉ CÍCERO
Na tarde da ultima terça-feira dia (24/02), uma equipe da CIOSAC foi solicitada pelo senhor Elielson José da Silva, morador da Encruzilhada de São João, Bezerros-PE, o qual informou aos policiais que no dia anterior, seu cunhado, JOSÉ CÍCERO DA SILVA, 30 anos, havia atentado contra a vida de sua esposa, Maria José da Silva, 38 anos, que é irmã do acusado.

Ontem, por volta das 14 horas, o imputado voltou a atentar contra a vida da própria irmã. Foi constatado, inclusive, que José Cícero já foi preso anteriormente, pelo crime de Violência Doméstica e Familiar Contra a Mulher, Lei nº 11.340/06, popularmente conhecida como Lei Maria da Penha, e já estava com uma medida protetiva contra o mesmo. A equipe da CIOSAC deslocou-se até o local, onde surpreendeu o acusado com os objetos utilizados: 01 (um) facão oxidado, de 15 polegadas; 01 (uma) faca inox, de 06 polegadas, e também uma pequena porção de maconha.

Todos os envolvidos e objetos apreendidos foram encaminhados à 91º Delegacia de Polícia de Bezerros, para as providências legais cabíveis, sendo o detido recolhido à cadeia pública de Bezerros.

Seção de Comunicação – CIOSAC

(87) 9648.3366 (81) 9488.5864

EDITAL ASSEMBLEIA 2015 - ECOSOL PAJEÚ

EDITAL DE CONVOCAÇÃO
COOPERATIVA DE CRÉDITO RURAL DE ECONOMIA SOLIDARIA DO PAJEU – ECOSOL PAJEÚ
CNPJ/MF N° 05.094.985/0001-85
NIRE N° 264.000.160-62

CONVOCAÇÃO DE ASSEMBLEIA GERAL ORDINÁRIA E EXTRAORDINÁRIA

O Presidente da Cooperativa de Crédito Rural de Economia Solidaria do Pajeú – Ecosol Pajeú, no uso de suas atribuições que lhe confere o Estatuto Social, CONVOCA todos os associados para a ASSEMBLEIA GERAL ORDINÁRIA e EXTRAORDINÁRIA, que realizar-se-á no dia 03 de março de 2015, no AUDITÓRIO DA CHURRASCARIA ACONCHEGO DA GENTE, situado na RUA JURANDIR CORDEIRO PESSOA, 504, BAIRRO JOÃO CORDEIRO, CEP: 56.780-000, TABIRA – PE. A Assembleia Geral Ordinária realizar-se-á em Primeira Convocação às 07 horas, com a presença mínima de 2/3 (dois terços) dos associados em condições de votar; em Segunda Convocação, às 08 horas, com a presença de 50% (cinquenta por cento) mais um dos associados em condições de votar; e em Terceira e Última Convocação às 9 horas com, no mínimo, 10 (dez) associados aptos a votar. A Assembleia Geral Extraordinária realizar-se-á em Primeira Convocação às 10 horas, com a presença mínima de 2/3 (dois terços) dos associados em condições de votar; em Segunda Convocação, às 11 horas, com a presença de 50% (cinquenta por cento) mais um dos associados em condições de votar; e em Terceira e Última Convocação às 12 horas com, no mínimo, 10 (dez) associados aptos a votar, para deliberarem sobre a seguinte ORDEM DO DIA:

Continue Lendo Clicando No Link Abaixo!

Secretária Aracelis Batista Sede Entrevista a Rádio Transertaneja é Notícia.


Por Vanderlei Miron*

Respondendo as acusações do Senhor Diogo Alexandre, após ter denunciado a Secretaria de Educação Municipal de Tabira, Sobre Descaso no funcionamento da Escola Lucio Virgínio dos Santos em Cachoeira Grande, na Rádio Transertaneja 96,7 FM, A Secretária de Educação Municipal de Tabira, Aracelis Batista, sede entrevista ao vivo na Rádio rebatendo as acusações. Escute a entrevista!

quarta-feira, 25 de fevereiro de 2015

Visitas em Escolas Municipais de Tabira.

Escola Lúcio Virgínio dos Santos

Após reclamações de péssimo funcionamento das escolas municipais de Tabira, e esclarecimentos da secretária de educação Aracelis Batista. A redação do Blog Miron Notícias fez visitas às escolas rurais, e vendo que não são verídicas as informações passadas pelo Sr. Diogo Alexandre.

Como mostra as fotos, as escolas funcionam em perfeitas condições.

Redação e fotografias – Vanderlei Miron. 

Escola na Comunidade Rural de Cachoeira Grande.



 Veja mais fotografias clicando no link abaixo!

Secretário Flávio Marques rebate vereadores.

O Secretário de Administração Flávio Marques disse ontem, que esteve na Câmara em sessão antes do Carnaval e explicou a paralisação do Projeto do Curral do Gado solicitado pela Secretaria Estadual de Agricultura.

Falando a Rádio Cidade FM, Flávio disse que o engenheiro Jonas Melo foi contratado para confeccionar o projeto e ao atingir 95% informou que por problemas de saúde do seu desenhista não teve condições de concluir.

Um novo engenheiro, Alex Sey de Campina Grande foi contratado e começou o Projeto do zero. O Secretário disse não entender o barulho de alguns parlamentares depois de tudo explicado.

E sobre o Abatedouro, Flávio disse que mesmo se desfazendo de bens a Prefeitura não somaria recursos para construir um novo. Se o governo do estado regionalizou o abate na região, não vai investir em outro abatedouro. Partindo para o ataque, Flávio completou: Muita gente diz que quer ajudar, mas quer mesmo é aparecer.

Exclusivo: Secretária de Educação Municipal de Tabira, “Aracelis Batista” responde Acusações do Vereador Aldo Santana.

Nossa produção de Jornalismo do Blog Miron Notícias obteve resposta da Secretária de Educação do Município de Tabira “Aracelis Batista”, sobre as acusações feitas pelo Vereador Heleno Aldo Santana na ultima seção da Câmara de Vereadores de Tabira, sobre a falta de quadro negro nas escolas da rede municipal de Tabira.

Em resposta as acusações do vereador Heleno Aldo, alusivas a uma situação infundada e seria municipal de Educação, ora administrada por mim, possui um modelo de gestão pautada na ética, na responsabilidade e na cautelosa administração dos recursos públicos.

Questionados pelo vereador, que não teve a sensatez de procurar o órgão supracitado para tomar conhecimento da real situação e faz acusações que não condizem com o que acontece na realidade.

Nós trabalhamos com uma equipe de Campo do setor de Merenda Escolar e uma Coordenadora das escolas do campo, que frequentam periodicamente as mesmas e nos trazem os relatórios das necessidades de cada uma.

Não temos necessidade alguma de mentir, por que entendemos de educação e a priorizamos, não é por acaso que temos um dos maiores EDEB`s da região, quiça, do Estado de Pernambuco. Todas as nossas escolas estão reformadas, ampliadas e reestruturadas, recebendo o alunado com qualidade e respeito.

Temos tratado Educação como nunca antes havia sido tratada, com dedicação e amor. E não aceitamos que as pessoas denigrem sem conhecimento de causa e deturpem as situações. Para esclarecimento ao Vereador, fizemos um levantamento de todas as escolas que necessitariam de quadros novos, e mandamos contrui-los, também, por que produzindo podemos fazer no padrão adequado. Mandamos fazer 13 quadros e já entregamos 6, estamos no aguardo do restante, pois faltou matéria prima ( fórmica), não estando as escolas abandonadas, pelo contrario, elas são as “meninas dos nossos olhos”. Os quadros que ainda faltam estarão sendo entregues em breve. As escolas estão equipadas, com material didático, merenda escolar de qualidade e todos os serviços essenciais para o seu funcionamento. Acredito, que a má conduta dos fatos fere a moral e os bons costumes e que o cidadão que ama a sua terra. A palavra é tentar destrui-la.

Aracelis Batista.

Secretária de Educação do Município de Tabira.